html Blog do Scheinman: Conselho de Ética? Que ética?

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Conselho de Ética? Que ética?

Dos 10 deputados federais que votaram no Conselho de Ética pela não-abertura do processo de cassação de Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), o Paulinho da Força Sindical, quatro respondem a algum processo na Justiça, foram punidos por Tribunais de Contas ou constam como devedores do INSS, de acordo com informações do projeto Excelências (www.excelencias.org.br), da Transparência Brasil.
Acusado pela Polícia Federal de participar de esquema de desvio de verbas do BNDES, Paulo Pereira da Silva foi beneficiado por seus pares nesta quarta-feira, quando dez parlamentares votaram contra o parecer do relator, deputado Paulo Piau (PMDB-MG), que recomendava a cassação. Segundo a ONG, os quatro deputados que beneficiaram Paulo Pereira da Silva e que têm ocorrência na Justiça, em Tribunal de Contas ou no INSS são (o endereço abaixo dos nomes leva à página do parlamentar no projeto Excelências, de onde podem ser acessados os processos nos sítios de Internet dos Tribunais ou da Previdência Social):
Abelardo Camarinha (PSB-SP)
Dagoberto (PDT-MS)
Rômulo Gouveia (PSDB-PB)
Marcelo Ortiz (PV-SP)
Às vezes dá vergonha de ser brasileiro...
É isso.

6 comentários:

ANANIAS disse...

Ouvi uma frase que diz o seguinte:
O Brasil é um país de eleitores desonestos que votam e esperam que os políticos sejam honestos.

Ropiva disse...

Absurdo, não tem outra palavra pra descrever isso. O "Conselho de Ética" é daqueles órgãos que o tempo está provando, não serve para quase nada. Veja o caso do Renan... E ouvi numa rádio que agora vão investigar a mulher do Paulinho sobre os desvios do BNDES. É uma vergonha.

Abraços

joselito bortolotto disse...

Por estas e outras ações recorrentes, que a cada dia que passa nos fazem acreditar menos na classe política. Não há como mudar, qualquer um que eleito for, quando lá chega assume a postura explicita do organismo que mais parece um ser vivo que arrebata a todos para a desonestidade.

Francisco Castro disse...

Isso é muito vergonhoso para o Congresso Nacional e para a sociedade brasileira que tem um parlamento que não dignifica esta tão honrada nação.

Um abraço

joao Assis disse...

Mauricio,
Infelizmente somos direcionados á acreditar que de Gaulle era um visionário.
Um grande abraço,amigo.

Edegard disse...

Mais uma vêz fica comprovado que nossos políticos têm o rabo preso e portanto seus votos são suspeitos.
Um Abraço