html Blog do Scheinman: Mais um advogado é assassinado em Pernambuco

quinta-feira, 5 de março de 2009

Mais um advogado é assassinado em Pernambuco

O advogado trabalhista José Marcos Carvalho Filho, 62 anos, foi assassinado em frente ao número 104 da Rua Cordoba, em Jardim Atlântico, Olinda (PE). O crime aconteceu por volta das 14h30 de ontem, quando José Marcos voltava do trabalho. Ele estava a pé, a poucos metros da casa onde morava sozinho.
Testemunhas apontaram dois acusados, ainda não identificados, que teriam chegado em uma motocicleta e atirado na vítima. A polícia acredita que o advogado tenha sido vítima de uma execução por conta das características, já que nenhum pertence foi roubado. A Força-Tarefa Norte do Núcleo de Homicídios, registrou o caso, que será investigado pelo DHPP.
Em nota oficial, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PE) pede que as autoridades tomem as medidas cabíveis para elucidar os crimes cometidos contra os advogados José Marcos e Luiz Antônio Esteves de Brito, assassinado, em Arcoverde. "Esse é o quarto advogado pernambucano assassinado de forma brutal em menos de 45 dias. Queremos que as autoridades tomem providências visando à apuração com rapidez, rigor e cautela", ressalta Pugliesi. No próximo dia 25, a OAB vai participar de uma audiência pública na Assembléia Legislativa, para tratar da violência contra os advogados do estado. (Fonte: OAB e Consulex).
De fato, o problema é mais sério do que parece. Com cada vez maior frequência assistimos advogados sendo assassinados, muitos, pelo simples fato de estarem no exercício da profissão, mas que infelizmente não podem contar com a proteção do Estado como, aliás, o fazem juízes, promotores, etc.
Em Pernambuco a questão parece estar tomando proporções bastante sérias, eis que a cada dez dias ocorre um homicídio. Em breve, ser advogado em Pernambuco, no jargão popular, é "estar marcado para morrer" (sic). Quiçá o problema seja resolvido com brevidade. Mas, se a moda pegar, a nós causídicos restará apenas mudar de profissão, que seja vender quinquilharias contrabandeadas nos sinais de trânsito. Pelo menos estaremos a salvo...
É isso.

Nenhum comentário: